Busting Fat- How to lose 20 pounds in a month using spin bikes for exercising?

Are you tired of sticking to your same old fashioned work out regime that has failed to yield visible results? Looking for innovative techniques that would fight those extra pounds by boosting your motivation levels? Then you might consider working out on a spin bike that would spice up your exercising sessions while burning calories at a fantastic pace.

Buzz about spinning

Although the popularity of spinning classes has been steadily soaring over the years, a vast majority of people find it quite difficult to squeeze out a bit of time from their hectic schedules for attending classes on a regular basis. As a result, the demand for spin bikes has witnessed a meteoric rise because it is much more convenient to invest in one, and enjoy unlimited workout sessions at your own pace, within the comfort of your home. Check out detailed guide over here.

Saying Goodbye to excuses

Having your own fitness equipment at home brings you much closer to your desired weight loss goals. The process of achieving your fitness target becomes much easier when you get rid of those silly excuses for skipping classes, such as the unfavorable weather, minor health issues or sheer reluctance to step out of the house. Your spin bike at home will always be at your service, be it early in the morning as soon as you step out of your bed, or if you want to sweat it out late at night.

In your coolest Avatar

Besides your privacy being maintained, the biggest advantage of spin biking at home is that, you can simply shed all your worries about having to dress up for those workout sessions. There is absolutely no pressure to look good, so you might as well as get into that pair of worn out shorts and focus on kicking away those stubborn pounds. Your enhanced levels of concentration is bound to yield huge rewards, and you will be gifting yourself that hourglass figure much sooner than you had ever imagined before! They have suggested really awesome rowing machines if you are planning to buy one. This article from fitnesstep1: https://www.fitnesstep1.com/best-rowing-machines/ proves advantages of using rowing machines.

Full on entertainment

Burning calories can be so much fun with a spin bike that you will hardly be able to wait for your next session. And the more you exercise, the greater will be the percentage of weight loss. Turn on the heat with your favorite music video while you work out, and relish watching those extra pounds melting away in no time, leaving behind a toned, muscular physique that will grab eyeballs wherever you go! You can even tune in to your favorite television show to divert your mind and stretch the span of your work out.

For those washboard abs

Spinning is extremely beneficial for dealing with the accumulated fat in the abdominal region, which is one of the main culprits behind rapid weight gain. The posture which is associated with exercising on a spin bike, has a powerful impact on the muscles located at the center as well as the sides of your abdomen. The rhythm of the upper portion of the body during spinning classes helps in toning those muscles. Within a few months you will notice that those bulges around the abdominal area have started disappearing. You can proceed towards achieving those washboard abs that you have always dreamt of!

Flaunting shapely legs

Even though rigorous exercise using spin bikes aids in uniform weight loss, the part of your body which derives maximum benefit out of spinning is your pair of legs. Spinning involves a huge amount of activity of your legs, which directly affects the different groups of surrounding muscles. Frequently working out on a spin bike yields a faster outcome and within a short span of time you will be left awestruck by the shapely appearance of your thighs and calves.

Video :-

Google luta para diminuir o tamanho do instalador do Chrome

Em dez versões, o tamanho do instalador do Chrome triplicou. As implicações comerciais e estratégicas são ruins, tanto que foi criada uma força tarefa na Google para colocar o navegador numa dieta e encolher seu instalador.

Vê o gráfico ao lado? Ele mostra a evolução do tamanho, em mega bytes, do instalador do
Chrome
, navegador web da Google. Quando foi lançado, a versão 1.0 tinha 9 MB. Hoje, na décima, aquele valor saltou para 26 MB, quase o triplo do inicial.

Para reverter esse quadro, Anthony Laforge, gerente de programa técnico do Chrome, mandou o alerta, convocando uma força tarefa para atuar e remediar esse problema. Esse grupo tem a missão de “analisar agressivamente as opções para diminuir o tamanho do instalador do Chrome”.

Embora conexões banda larga estejam mais comuns e presentes em mais locais, outros fatores fazem com que a manutenção de um instalador enxuto valha a pena. O Chrome, por exemplo, é distribuído em pacotes, junto a outros programas, graças a acordos firmados com outras empresas. Quanto maior o tamanho, mais difícil a distribuição. Outra, mais preocupante, é a taxa de falhas na instalação/download do programa em países onde não há grande disponibilidade de conexões rápidas. Ian Fette, desenvolvedor do Chrome que trouxe os casos acima, cita a Índia como exemplo: o navegador tem boa penetração por lá, logo, esse tipo de falha afeta a reputação do mesmo.

A título de comparação, o instalador do Firefox 4, lançado ontem, tem 12 MB no Windows. É menos da metade do tamanho do Chrome 10. Ao longo dos últimos anos, o Chrome tem servido de parâmetro para a concorrência implementar novidades, da interface ao ciclo de desenvolvimento. Chegou a hora, afinal, da Google fazer o caminho inverso e seguir o bom exemplo do Firefox que, versão após versão, mantém o tamanho do seu instalador controlado.

Firefox 4: +5 milhões de downloads em 24h

 Em seu primeiro dia de vida, Firefox 4, a novíssima versão do navegador da Mozilla, é baixado mais de cinco milhões de vezes. Site mostra, em tempo real, um contador de downloads com diversos mapas e outras estatísticas.

Parece ter virado moda o lançamento de navegadores ser monitorado publicamente. Há alguns dias, após o lançamento do Internet Explorer 9, a Microsoft comemorou o impressionante número de 2,3 milhões de downloads do instalador nas primeiras 24h de vida da nova versão. Agora, é a vez da Mozilla.

O título de navegador mais baixado em seu primeiro dia de vida ainda pertence ao Firefox 3, baixado mais de 8 milhões de vezes. Mas embora tenha ficado atrás do seu antecessor, o Firefox 4 não fez feio e desbancou, sem muito esforço, o IE9: em 24h, ele foi baixado mais de 5 milhões de vezes.

Os números do Firefox 4 podem ser acompanhados nessa página. No momento, o contador já ultrapassou a casa dos 6 milhões de downloads, e continua subindo num ritmo bastante forte. O site permite filtrar a quantidade de downloads por continente e país; nesse momento, também, o Brasil lidera o ranking na América do Sul, respondendo por quase 180 mil downloads. Também dá para consultar o número de downloads minuto a minuto, nas barras que surgem no rodapé da página.

Lançado oficialmente ontem, o Firefox 4 é gratuito e está disponível para download, em português do Brasil, aqui.

7,1 milhões de downloads do Firefox 4 em 24h

Números finais apontam que, por muito pouco, Firefox 4 não ultrapassou a terceira versão em quantidade de downloads no primeiro dia de vida.

Ontem, quando publicamos a nota dando conta de que o Firefox 4 já havia sido baixado mais de 5 milhões de vezes, o período de 24h iniciado a partir da disponibilidade da versão final do programa ainda não havia terminado.

Hoje a Mozilla mostrou, enfim, os números finais da já tradicional brincadeira que fazem desde o Firefox 3. No total, foram 7,1 milhões de downloads do Firefox 4 em 24h. Bateu na trave, mas ainda não passou o espantoso número de 8 milhões da terceira versão.

Cabe lembrar que o número não contabiliza quem procedeu à atualização automática, do RC2 para a final, dentro do próprio programa. Segundo a Mozilla, foram 3 milhões de atualizações nesse sentido. Não significa que, só ontem, 10 milhões de pessoas atualizaram seus navegadores para a última versão do Firefox, afinal, muitos podem ter apenas baixado e não instalado, ou baixado o programa duas ou mais vezes. Vale pela festa, de qualquer forma.

No post em que anunciou tais números, a Mozilla ressaltou o caráter aberto e a ampla rede de pessoas que contribuem para com o projeto voluntariamente — uma comunidade de 50 mil pessoas ao redor do mundo. Estima-se que, hoje, 400 milhões de pessoas usem o Firefox.

O Firefox 4 em português do Brasil está disponível aqui.

IE9: 2,3 milhões de downloads e liberação via Windows Update

Navegador foi baixado mais de 2 milhões de vezes em seu primeiro dia de vida. Atualização via Windows Update começa na semana que vem.

A Microsoft comemora. Após um ano trabalhando duro em cima do Internet Explorer 9, na madrugada de segunda para terça (pelo horário de Brasília) a empresa lançou a versão final do navegador, com visual reformulado, recursos inovadores e complacência com padrões web.
No primeiro dia disponível ao público, o IE9 foi baixado, segundo a Microsoft, 2,35 milhões de vezes. Isso significa cerca de 27 downloads por segundo, um número bastante expressivo. Apesar disso, o IE9 ainda ficou longe do recurso mundial de downloads nas primeiras 24 horas, pertencente ao Firefox 3 que, em 2008, foi baixado mais de 8 milhões de vezes no dia de seu lançamento. Na época, a Mozilla organizou uma grande campanha para catapultar a quantidade de downloads. Funcionou — e funcionou bem!

É importante notar que, até o momento, todos os downloads realizados do IE9 foram feitos diretamente pelo site oficial. Via Windows Update, que é a forma pela qual muitos preferem atualizar o navegador, o download ainda não foi disponibilizado. A Microsoft avisou, pelo Twitter, a data para tal: 21 de março, próxima segunda-feira. Será o começo da distribuição, que dependendo da localização e idioma dos usuários, pode demorar um pouco mais para aparecer.

O IE9 via Windows Update surgirá como uma atualização “importante”, o que significa que dependerá da ação do usuário para ser baixado e instalado. A nova versão é fortemente recomendada a todos, já que os ganhos em desempenho em relação à oitava versão são grandes.

Caso não queira esperar, basta baixar o instalador e proceder por conta própria.…

Internet Explorer 9 confirmado para o dia 14 de março

Microsoft confirma versão final do Internet Explorer 9 para dia 14 de março, durante SXSW. Bing em HTML5 ainda é incerto, embora rumores indiquem que ele saia junto com o IE9.

Havia a suspeita, mas tudo não passava de rumor. Hoje a Microsoft acabou com o mistério e, num post no bloog oficial do IE, anunciou a data de lançamento da versão final do Internet Explorer 9: 14 de março, exatamente um ano depois da liberação do primeiro Platform Preview do navegador.

O lançamento será durante o evento SXSW, em Austin, Texas. O evento, voltado para música e filmes com toques de interatividade, também contempla, além dessa veia artística, sites e tecnologias mais “descoladas”. No dia 14, o IE9 será disponibilizado para download no mundo inteiro às 21h no horário do Pacífico (o que, aqui no Brasil, pelo horário de Brasília, 2h da manhã…), em meio a uma festa dada pela Microsoft dentro do SXSW com a participação de diversas bandas, como Yeasayer, The Head and The Heart e Fences.

Se o IE9 já está confirmado, o mesmo não pode ser dito sobre o Bing em HTML5. Há alguns dias, usuários relataram terem encontrado uma tela de introdução no endereço bing.com/peek (já indisponível). Disso, alguns analistas concluíram que, talvez, o lançamento dessa aguardada reformulação da interface do buscador da Microsoft, que explora diversos recursos novos do Internet Explorer 9, coincidirá com a liberação da versão final desse.…